• Redação TBT

Witzel é denunciado novamente

O governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), foi novamente denunciado ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) pela Procuradoria-Geral da República (PGR), desta vez por organização criminosa.


Ele é apontado como chefe de uma organização criminosa cujo objetivo era desviar recursos públicos.


Segundo a denúncia, o objetivo da organização criminosa era conseguir cerca de 400 milhões de reais, em quatro anos, por meio da cobrança de 5% de todos os contratos firmados, como forma de propina.


A PGR pede ainda que Witzel perca o cargo de governador em definitivo.


Também foram denunciados Helena Witzel, primeira-dama; pastor Everaldo Pereira, presidente nacional do PSC; Edmar Santos, ex-secretário de Saúde; Lucas Tristão, ex-secretário Desenvolvimento Econômico; Gothardo Netto, ex-prefeito de Volta Redonda; Edson Torres, empresário; Victor Hugo Barroso, doleiro; Nilo Francisco da Silva Filho; Cláudio Marcelo Santos Silva; José Carlos de Mel; Carlos Frederico Loretti da Silveira.


TBT - Bernardo Resende - Graduando em Direito e redator do The Brazilian Times

Receba nossas atualizações

  • Instagram - White Circle

Site Oficial The Brazilian Times