• Redação TBT

União Europeia acusa a China de realizar campanhas de desinformação

Bruxelas estabeleceu um plano para combater uma "enorme onda" de fatos falsos sobre a pandemia de coronavírus.



A comissão européia disse que a Rússia e a China estão realizando "operações de influência direcionadas e campanhas de desinformação na UE, em seus arredores e em todo o mundo". Embora a acusação contra a Rússia tenha sido proferida em muitas ocasiões, é a primeira vez que Joseph B. Fontelles, o executivo da UE, nomeia publicamente a China como fonte de desinformação.


“O que também testemunhamos é um aumento nas narrativas que minam nossas democracias e, de fato, nossa resposta à crise, por exemplo, a alegação de que existem laboratórios biológicos secretos dos EUA nas antigas repúblicas soviéticas foi espalhada por meios pró-Kremlin e também por chineses. funcionários e mídia estatal. ”

disse Vĕra Jourová, vice-presidente da Comissão Europeia.


"Temos evidências suficientes para fazer essa declaração, é muito bem baseada em evidências" afirmou Vĕra Jourová.

Receba nossas atualizações

  • Instagram - White Circle

Site Oficial The Brazilian Times