• Redação TBT

Um relógio da Patek Philippe quebrou o recorde sendo vendido por US$ 31 milhões


A Patek Philippe foi fundada na Suiça por Antoni Patek e Adrien Philippe, em 1851. Todas as suas peças são fruto do trabalho meticuloso de grandes artesãos.




Um relógio da Patek Philippe quebrou o recorde de preços do objeto, sendo vendido por US$ 31 milhões (R$ 162 milhões). O exemplar único foi leiloado na Suíça e valor destinado à caridade.


O modelo Grandmaster Chime Ref. 6300A-010, um relógio de aço inoxidável com mostradores em ouro de 18 quilates revestidos com ouro rosa de um lado e ébano do outro, e pulseira de couro de jacaré preta conquistou o comprador que desembolsou essa quantia.


O valor é o recorde mundial de relógios mais caros vendidos em leilão, que era de US$ 17,8 milhões (R$ 93 milhões em valores atuais), pagos em 2017 em um leilão da Philips por um Rolex Daytona que já pertenceu ao ator Paul Newman.


Dentre as celebridades que possuíram ou possuem um relógio Patek Philippe encontram-se a Rainha Vitória da Inglaterra e seu marido, o presidente russo Vladimir Putin; o ex-Beatle Paul McCartney e o guitarrista Eric Clapton dentre outros.


Acesse o link e assista todo o processo montagem de um exemplar do modelo Grandmaster Chime: https://www.youtube.com/watch?v=3laCSf5nPe8

Receba nossas atualizações

  • Instagram - White Circle

Site Oficial The Brazilian Times